Antes & Depois

Boas tardes, oi a publicação é algo todas nós gostamos o antes e o depois das transformações que se vão fazendo em casas e móveis. Hoje por acaso é mais móveis…

 

ImagemImagemImagemImagemImagemImagem

 

Parecem ser móveis novos mas todos eles já têm muitas histórias e se as pudessem contar seria um romance em tanto.

 

Beijos

Trastes velhos, ou talvez não!

Velhos Objectos, Novos Usos

 
A moda é a reciclagem dos velhinhos móveis que estão arrumados num qualquer canto lá de casa. Adoro as transformações que se podem fazer, é incrível o poder da imaginação e criatividade.

 
Uma coisa tenho aprendido que nada é lixo, tudo pode ter uma segunda oportunidade. 
 
Beijos e Sucesso,
Susana

 (Se por coincidência encontrarem um outro blog com postágens iguais às minhas não julguem que alguém me anda a plagiar. Sou eu que tenho um outro blog e de volta e meia partilho publicações entre os dois.)

 

Visitem-me também em – http://vouindopracasa.blogspot.pt/ este blog é também de minha autoria.

 

Beijos

Talhas

Um objecto que é bastante cobiçado aqui onde eu vivo é a talha. Estes potes de barro de diferentes tamanhos que noutros tempos serviam para guardar o azeite, vinho, vinagre entre outros produtos, hoje em dia abandonaram as funções para as quais foram concebido para passarem a integrar a decoração de casas e jardins. Há quem os use com bengaleiro, como vaso, fonte, ou simplesmente os dispões de uma forma harmoniosa a compor o espaço onde se encontram. Minha mãe optou por usar algumas talhas como vaso no seu terraço, já eu que não tenho muitas talhas, consegui resgatar uma pequenina que estava quase abandonada na “quintinha” da família. Agora o meu objectivo é lava-la (delicadamente visto que a talha já apresenta algumas fissuras que lhe podem ditar o fim), e coloca-la no meu terraço onde irá servir para guardar os chapéus de chuva.

948378d6a67ac0d7c7c6728581b072ab_Generic

fonte

casa-artista-1445

casa-rural-golegã (3)

 

Reclicando as janelas

Oi, já deu para perceber que eu gosto muito de fazer reciclagem e de dar uma nova utilidade aos antigos objectos. Hoje andei a sonhar com janelas. Todas nós sabemos que algures perto de casa alguém está a fazer o restauro de uma casa onde há pequenos detalhes fantásticos que muitas vezes são destruídos.  E que tal procurar o dono da obra ou o empreiteiro para conseguir resgatar alguma coisinha. Eu quando comecei as obras da minha casa bem que tentei, mas as janelas não tinham a mínima condição de ser aproveitadas, mas continuo a sonhar e a procurar realizar este projecto de fazer de uma janela velha um belo quadro, ou a cabeceira de uma cama, ou então o tampo de uma mesinha de chá ou quem sabe um tabuleiro, enfim agora vou sonhando com isso. Vejam só algumas inspirações que fui coleccionando ao longo do tempo.

Imagem

ImagemImagem

Imagem

Acho todos estes trabalhos maravilhosos.

Beijos

Susana

Tesouro de Chaves

Oi amigas, hoje o meu post tem inspiração num pequeno tesouro que venho juntando ao longo dos anos. Chaves antigas e espelhos de fechaduras. Estas peças foram sendo recolhidas em portas antigas de casas abandonas e portas que em tempos estiveram em uso na casa dos meus avós. Sempre gostei dos espelhos elaborados, eram eles que a par das aldrabas davam a conhecer as casas mais abastadas. Ontem fui ter com um vizinho que faz molduras e conversei com ele sobre o assunto e neste momento ele tem o meu tesourinho. Por enquanto deixo-vos agumas imagens que recolhi da net que mostram o que se pode fazer com estas “pérolas”.

 

ImagemImagemImagem

Papel de Parede. Sim ou Não

Oi leitoras, hoje estou de volta com um tema que por vezes cria discussões, no bom sentido claro. O Papel de Parede. Nos últimos dois anos eu, as minhas irmãs e duas primas andamos em sintonia no que toca ao tema da casa. Umas fizeram construção de casa, outras recuperaram casas (em diferentes estados de degradação) e por aí adiante. Claro está que quando todos nos juntávamos o assunto era sempre o mesmo, obras e decorações. Por diversas vezes se geraram algumas discussões sadias sobre o papel de parede, minha irmã queria aplicar e o seu marido não, a discussão acabava por ser debatida por toda a gente. Eu pessoalmente adoro o efeito do papel de parede, acho que torna o ambiente mais aconchegante. Contudo nunca aplicaria, pois acho que mesmo a decoração segue tendências e embora neste momento até é in, dentro de alguns tempos pode ser out. Então eu gosto mais de introduzir cor e textura numa base neutra que não passa de moda, recorrendo a telas, almofadas, cortinados ou até tapeçarias tudo isto dependendo do estilo da decoração da casa.

E vocês qual é a vossa opinião sobre o assunto. Apostariam em aplicar papel de parede ou nem por isso?

Deixo algumas sugestões de telas forradas com papel de parede ou mesmo tecido para dar cor e textura à parede.

Imagem

Imagem

Imagem

 

Beijos e Até Breve

Susana

Mesas de Máquina de costura

Oi leitoras, tudo bem?

Hoje estou de volta com outra sugestão, as máquinas de costura de antigamente que tinha estruturas fantásticas. Este é outro projecto que tenho com o meu noivo. Numa casa antiga dos meus sogros que sofreu obras faz já uns anos  o meu noivo encontrou uma antiga máquina de costura da Singer, e ela estava completa, mas bastante degradada. Então recentemente eu pequei na máquina e com a ajuda de uma escova de aço retirei a tinta velha e o máximo de ferrugem que deu, o passo seguinte foi pintar e ai voltei a usar a tinta preta que dá um aspecto de ferro forjado que usei nas grades. Neste momento a minha mesa está montada, mas ainda não está pronta! Falta o tampo, eu gostava de o colocar em vidro temperado (mas o orçamento assustou) e o meu noivo quer colocar o tampo em madeira (bem mais baratinho que o vidro). Ainda não sei bem o que fazer mas muito provavelmente vou optar pela madeira pois o dinheiro não abunda aqui para os meus lados. Enquanto a minha mesa não fica pronta deixo umas fotos que me serviram de inspiração para o uso final desta mesa.

Beijos e até breve

Imagem

Imagem